December 8, 2019

É público que John Cena vai fazer uma paragem de dois a três meses de todos os eventos da WWE após o Hell In A Cell.

 

cena

 

Segundo informações recentes, a empresa tem sofrido com a crescente descida de audiências do Raw e o problema parece não ter uma resolução simples. Se Smackdown é considerado o programa mais fraco da WWE, o Raw é o centro do negócio quando falamos de espetáculos de wrestling que têm transmissão televisiva.

Até o retorno de John Cena, o wrestler vai estar fora de dois pay-per-views: Survivor Series e o TLC. Tudo conjugado, a empresa de Vince Mcmahon tem aqui um grande obstáculo para ultrapassar. Mas onde existem problemas, também existem novas possibilidades. Vamos analisá-las.

 

1 – Um novo campeão do título de United States Champion

Este é o cenário mais provável de acontecer. Não acredito que Vince permita que o título esteja “desaparecido” por dois meses, portanto, é quase certo que já em Hell In A Cell o cinturão mude de dono até porque o ano foi praticamente preenchido com a imagem de Cena. Isto abre as portas para uma nova estrela agarrar a oportunidade.

 

 Screen Shot 10-20-15 at 05.22 PM

 

2 – Uma posição única para os novos wrestlers

É essencial que a empresa tenha um plano bem definido para quem vai promover. O caso de John Cena é particular porque ele tem uma exposição muito maior que a grande parte dos outros wrestlers, seja em promoção como em tempo televisivo. Quem quer que seja que ocupe o lugar tem de ter um conjunto de qualidades que sejam rapidamente compreendidas e aceites pelo público e nesse ponto de vista, a empresa tem uma série de estrelas novas que são capazes de pôr uma multidão ao rubro.

 

3 – Quem são os potenciais candidatos?

Bem, temos aqui um leque interessante. Entre Kevin Owens, Cesaro, Zigler, Finn Bálor, Samoa Joe,  Zack Ryder, Dean Ambrose, Roman Reigns, qualquer um pode ser o escolhido para carregar o título de campeão dos Estados Unidos. Acredito que o nome principal em cima da mesa seja o de Reigns. O rapaz já esteve na calha para ser tornar campeão do mundo o que acabou por não acontecer, o seu estatuto de babyface continua a despoletar controvérsia entres os adeptos do wrestling (como Cena), as suas qualidades dentro do ringue – apesar de limitadas – são suficientes para se afirmar como um peso pesado. Também acredito que Owens pode ter um futuro risonho. Para mim, é um wrestler completo que se afirmou como um animal dentro do ringue e não podemos esquecer que os três combates com Cena foram fenomenais, com os dois wrestlers a saberem tirar o melhor um do outro.

 

owens  finn  cesaro  samoa joe

 

 

4 – O retorno de uma lenda

Tenho dúvidas mas é possível. Com a queda de audiências, ter uma estrela antiga em frente das câmaras pode ser um solução para resolver dois problemas de uma só vez. Será que The Rock ou Mick Foley voltam?

 

  Mick-Foley-Hairstyles-7

 

5 – Quando voltar, John Cena torna-se ainda mais relevante.

A analogia que utilizo é a seguinte: gostamos de chocolate. Comemos todos os dias e durante uma semana sabe bem mais ao fim de algum tempo, enjooa e fartamo-nos. Até pode fazer mal. Mas se pararmos durante dois meses, quando voltamos a comer sabe bem melhor. Se a empresa quiser pode seguir esse caminho, é uma boa estratégia de booking. Dar descanso para retornar com um novo ânimo.

 

6 – A necessidade aguça o engenho.

É justo dizer que o problema das audiências do Raw já tem uns bons meses e muita da culpa é da equipa criativa. O que fizeram com Brock Lesnar ou The Undertaker é vergonhoso sem contar com a atual história de Seth Rollins e Kane. A paragem de Cena obriga a que Vince exija ainda mais da sua equipa criativa de modo a não agravar uma situação que por si, já é complicada. Uma coisa é certa, a paragem de Cena é uma enorme oportunidade para a maior parte da estrelas e acredito que muitas vão querer novas histórias e novas possibilidades de se mostrarem.

 

Seth

 

Uma coisa é certa, os meses de Novembro e Dezembro são bastante preenchidos no que toca a atuações ao vivo. A paragem temporária de Cena é um acontecimento infortuito que acaba por surgir no momento certo. Quando algo já não está bem é preciso um abre olhos para mudar o rumo das coisas. Também sabemos que Cena está no topo há dez anos, ou seja, a sua imagem cresceu a um velocidade tão grande que não pode subir mais. Nesse caminho, acabou por “ocupar” espaço de outras estrelas que também mereciam mais destaque e exposição.

No final do dia, acredito que esta paragem seja positiva. Estou bastante curioso com o que vem aí.

 

Filipe Carvalho

No Comments

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE