September 19, 2019

Querem fazer dos portugueses algo que não somos. A pontualidade é algo tipicamente britânica… o latino se puder chegar atrasado, não vai chegar a horas! As relações centenárias luso-britânicas parecem não ter deixado raízes nesta área, bem nos tentaram cultivar mas continuamos “atrasados”.

 

O palco do Dragão deixou isto bem evidente, cerca de 3 minutos deram mais interesse à Taça da Liga do que todo o tempo desde o início da competição. O entusiasmo pelas partidas propriamente ditas, o jogo jogado, passou para segundo plano. O que captou a atenção dos ditos “adeptos” foi a polémica em torno das acusações entre treinadores/dirigentes do F.C. Porto e do Sporting.

 

Tanto azuis e brancos como leões venceram os respectivos encontros. A equipa de Paulo Fonseca conseguiu ultrapassar o Marítimo com uma grande penalidade já em tempo de compensação. Um triunfo por 3-2. A “estrelinha” esteve do lado do campeão nacional. Segundo o treinador da equipa foi «uma vitória à Porto».

 

O Sporting também conquistou os 3 pontos no terreno do Penafiel, uma vitória por 3-1 mas que não chegou para o apuramento para as meias-finais. Os leões mostraram raça dentro de campo mas o “rugido” do líder ficou guardado para depois do apito final. O presidente do clube de Alvalade até poderá ter razão quanto ao cumprimento dos regulamentos, – se existem devem ser cumpridos – mas as palavras não apagam a eliminação. O Sporting podia e devia ter vencido por uma diferença maior. Como tal não aconteceu começaram os jogos de bastidores, o que na minha opinião, só servem para justificar aos adeptos o falhanço em mais um dos objectivos iniciais da temporada.

 

O comportamento do F.C. Porto não deve passar impune caso se prove que houve um atraso intencional, mas de toda esta situação o que retenho é que fora das quatro linhas os dragões mostraram que a “chama” não está apagada. Certamente que o clube está completamente inteirado das repercussões que um “atraso” pode ter nas aspirações a chegar a mais um título.

 

A Liga descartou responsabilidades na organização do jogo e no atraso da partida, embora vá existir um inquérito para se apurar os factos. Resta aguardar pelo resultado e qualquer que seja a posição/decisão espero que aconteça a tempo e horas.

 

 

Bruno Valério

No Comments

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE