August 25, 2019

Pela segunda ronda consecutiva, os Dallas Cowboys viram-se envolvidos num jogo decidido por uma decisão controversa do trio de arbitragem – um catch de Dez Bryant que foi invalidado por razões que, embora sejam contra qualquer regra de bom senso, são legais.

Para quem não conseguiu perceber, a bola bateu no chão e fugiu-lhe um pouco das mãos. O catch teria dado uma boa oportunidade aos Cowboys para fazer touchdown logo a seguir e colocarem-se à frente do marcador a poucos minutos do fim. Assim sendo, os Packers acabaram por sai vencedores (Cowboys 21 X 26 Packers).

Nos restantes jogos, os Seattle Seahawks dominaram os Carolina Panthers para uma vitória bastante confortável (Panthers 17 X 31 Seahawks), os New England Patriots estiveram a perder por 14 pontos por duas vezes contra os Baltimore Ravens mas acabaram por conseguir a vitória suada (Ravens 31 X 35 Patriots) e os Indianapolis Colts chocaram meio mundo com uma vitória fácil frente aos Denver Broncos de Peyton Manning, que se veio a saber estava gravemente lesionado (Colts 24 X 13 Broncos).

Seguem-se as finais de conferência, só mais um passo para o Super Bowl:

 

AFC CONFERENCE FINAL

Indianapolis Colts @ New England Patriots

Andrew Luck é um quarterback incrivelmente talentoso. O mais claro herdeiro à coroa de melhor jogador da liga – muitos diriam que já o é. E não há como descurar o que este jovem já tem feito desde que chegou à liga – em três temporadas, nunca falhou os playoffs. Em 2013 perdeu na primeira ronda, em 2014 perdeu na segunda e este ano atingiu já as finais de conferência. Mas deverá por aqui ficar. Os New England Patriots são simplesmente bem melhores, com mais experiência e até talento em todo o plantel, liderados pelo aparentemente imortal Tom Brady. E os problemas quando consideramos que as principais armas ofensivas dos Colts chocam diretamente com as principais barreiras defensivas dos Patriots. Os Patriots defendem mal o running game, mas os Colts não têm nenhum running back de grande valor. E os Colts têm um excelente passing game mas vão ter de lidar com os excelentes cornerbacks Brandon Browner e Darrelle Revis. A viagem dos Colts foi incrível (e seria impressionante ver Luck a chegar à final tão cedo na sua carreira), mas a previsão sensata é de que terá chegado ao fim.

Vencedor: New England Patriots

 

NFC CONFERENCE FINAL

Green Bay Packers @ Seattle Seahawks

Vamos definir algo importante antes de mais nada. Os Seattle Seahawks são melhores. Em quase todas as facetas do jogo são melhores. O resultado mais provável é uma vitória confortável para os pupilos de Pete Carroll, fãs de um jogo incrivelmente físico e doloroso que deverá, mais tarde ou mais cedo, cansar as linhas defensivas e ofensivas dos Packers. A minha previsão é que os Seahawks vão sair vencedores. Mas não nos podemos esquecer de algo muito importante – os Green Bay Packers têm o melhor quarterback na liga. Se Aaron Rodgers jogar ao seu máximo nível, é impossível de prever os limites do talento ofensivo desta equipa. Mesmo contra a historicamente intransponível linha secundária dos Seahawks, os receivers dos Packers podem ter um dia em grande se Rodgers decidir tomar conta do jogo. O problema? Rodgers está ainda a recuperar de uma lesão na perna, que o limitou (relativamente) contra os Cowboys. Mas se Rodgers estiver ao seu melhor? Se o melhor jogador em toda a liga escolher este jogo para cimentar o seu legado e o seu corpo não o trair? Nesse caso recuso-me a fazer uma previsão.

Vencedor: Seattle Seahawks

 

Pedro Quedas

No Comments

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE